Imagem

Ventilador ou ar-condicionado. Qual escolher?

Quando decidimos investir em um ar-condicionado, uma das dúvidas mais frequentes é sobre a quantidade de energia que ele consome. E é natural que a gente compare com o gasto energético de um ventilador. Porém, depois de uma breve pesquisa, você começa a entender que, apesar de ter uma finalidade parecida, tanto o ar-condicionado quanto o ventilador, possuem características bastante distintas.

Mas não se preocupe, gostamos de facilitar as coisas para você. Por isso, vamos falar sobre as características de cada um para te ajudar a fazer a melhor escolha possível.

Ventilador x ar-condicionado

Cada eletrodoméstico possui objetivos diferentes.

O ventilador é perfeito para lugares em que o ar precisa circular rapidamente. Isso inclui lugares que possuam algum odor muito forte, como uma cozinha ou oficinas por exemplo. Um ponto negativo é que o ventilador não refrigera o ar. Ou seja, se o ambiente estiver quente, ele vai fazer o ar quente ficar circulando. O ideal é que o cômodo possua uma passagem de ar livre para estar sempre se renovando com uma brisa fresca.

Já o ar-condicionado, ao contrário do ventilador, precisa ficar em uma área fechada. Por refrigerar o ar do local, quanto menos troca de ar, melhor! Outra característica importante, é que, independente da temperatura local, o ar-condicionado consegue refrigerar o ar de verdade.

Funções do ar-condicionado

Modo ventilação

Caso você já esteja pesquisando modelos diferentes de ar-condicionado, com certeza já notou que alguns possuem a função “Ventilador”. Essa função tem o mesmo princípio do ventilador, de fato, e fará com que o ar presente no cômodo circule com mais facilidade. Bem pensado, né?

Filtragem do ar

Outra função do ar condicionado é filtrar o ar. Os ares-condicionados possuem filtros que fazem com que impurezas que estão no ar sejam removidas, deixando o seu ambiente ainda mais agradável enquanto estiver refrigerando (ou aquecendo) o seu ambiente.

O que consome mais energia, o ar-condicionado ou o ventilador?

O gasto energético sempre vai variar de acordo com o modelo e a marca. Porém, de uma forma geral, o ar-condicionado gasta mais energia elétrica do que um ventilador. Isso porque ele possui uma série de funções a mais do que o ventilador. Confira nosso comparativo:

Tabela comparativa

Viu, agora ficou fácil perceber que, mesmo necessitando de mais energia, o ar-condicionado possui algumas características que fazem a diferença. Seguindo a nossa tabela, você consegue escolher entre um ventilador e um ar-condicionado, dependendo do seu objetivo.

E agora que você já viu as principais diferenças entre os produtos, aproveite e saiba mais sobre economia de energia com ar-condicionado.

*O resultado final do processo poderá variar de acordo com os materiais e produtos utilizados, bem como o uso correto do eletrodoméstico.

O que achou dessa publicação?

  • Não curti

  • Mais ou menos

  • Boa

  • Muito boa!

  • Excelente!