Conheça a nova Cervejeira conectada que avisa quando a bebida está acabando.

Como não desperdiçar comida: truques para usar em casa

Truques para não desperdiçar comida em casa

O frango que sobrou do almoço de domingo pode virar uma deliciosa torta para a semana

Sobrou arroz, macarrão, bife, feijão e várias outras comidas na geladeira – e agora? Em vez de jogar fora o que sobrou do almoço, ou repetir um prato requentado, uma alternativa mais saborosa é dar nova vida a essas sobras, transformando-as em novos e apetitosos pratos. Só tome cuidado para não misturar tudo o que tem na geladeira, transformando o novo prato em “gororoba”. “O que vai determinar que o novo prato fique bom é mais o que a pessoa fará com as sobras do que propriamente o tipo de sobra”, diz Faby Zanelati, do blog Pimenta no Reino.

Por exemplo, um refogado de legumes que tenha sobrado pode acabar virando o famoso “mexidão”, ou então se transformar em preparações mais sofisticadas, como uma sopa ou risoto.

Veja a seguir algumas dicas da Faby para você transformar aquela sobra sem graça numa comida deliciosa – e que nem de perto vai parecer que foi feita com o que restou da outra refeição:

Como não desperdiçar comida

Preparações curinga ajudam na transformação

Existem pratos que ficam excepcionalmente bons com o uso de sobras, como tortas. “Nelas, é possível aproveitar muita coisa, como sobras de refogados, de carnes, de cozidos e assados”, ensina Faby. O segredo é ter uma boa massa base. Outra preparação que também se presta bem a esse papel são as sopas. Nelas também é possível aproveitar sobras de cozidos, de legumes, de assados… e sempre há os bolinhos e as omeletes. “Eu sempre digo que o que vale nessa hora é a criatividade mesmo”, diz Faby. O arroz também é um ingrediente muito versátil, que pode virar bolinhos, risotos, refogados e até massa de rocambole, se batido no processador.

Tenha alguns ingredientes-chave

Farinha de trigo, ovos, farinha de rosca, manteiga, temperos – todos eles são indispensáveis para dar uma nova cara àquela comidinha que sobrou na geladeira. Segundo a Faby, “não é uma regra, claro, mas farinha de trigo e ovos quase sempre são suficientes para transformar uma sobra. Com eles, pelo menos um bolinho você já terá garantido!”.

Dê novos usos para a comida

Além de aproveitar a comida que sobrou na geladeira, é possível também fazer outras tantas coisas com alimentos que normalmente jogaríamos fora. Por exemplo, os biscoitos murchos podem virar uma gostosa farofa doce para o sorvete, os pães amanhecidos podem virar torradas, rabanadas e farinha de rosca caseira, croutons para salada, liga para almôndegas e bolinhos, além de até servir para fazer sopas frias como o gaspacho.

O mesmo vale para os legumes, hortaliças e frutas. “Cascas de frutas ficam deliciosas quando agregadas a chás, talos e folhas de legumes rendem deliciosos bolinhos e ficam ótimos quando incluídos nas sopas, os talos de agrião e brócolis que costumamos descartar viram um ingrediente bacana para risotos… o que importa é pensar antes de descartar e tentar descobrir uma maneira de não jogar aquilo fora. Quase sempre a gente consegue”, encoraja Faby.

Congele o que sobrou para usar depois

Grãos em geral, como arroz e feijão, são ótimos para congelar e usar depois, numa outra preparação. A regra também se aplica aos produtos industrializados – se você não usou todo o pacote, procure guardar em recipiente bem lacrado e observar sempre o prazo de validade. “Dessa forma, você evita que os produtos estraguem e acabem indo para o lixo – seu bolso e o ambiente agradecem!”, completa Faby. Veja aqui como congelar o que sobrou do jeito certo e evitar o desperdício.

 

O que achou dessa publicação?

  • Não curti

  • Mais ou menos

  • Boa

  • Muito boa!

  • Excelente!

Comentários