CAMRA e o renascimento da cerveja inglesa

Na década de 70 no Reino Unido a cerveja inglesa típica parecia esquecida. A cerveja artesanal estava em baixa. Foi quando em março de 1971 surgiu um movimento que visava estimular o consumo da cerveja artesanal inglesa de modo tradicional. Era o CAMRA (Campaign for Real Ale).

Hoje o CAMRA é uma organização independente e voluntária pelos direitos do consumidor com cerca de 150 mil membros no mundo todo. Teve papel central no renascimento da cerveja artesanal inglesa e inspirou a revolução da cerveja artesanal americana nos anos 80. Além de promover a verdadeira Ale inglesa, esse movimento atuou e ainda atua diretamente com o governo, as indústrias de bebidas europeias e os pubs, valorizando esses locais como centros de vida comunitária, assim como era o seu papel original na cultura inglesa.

O CAMRA foi fundado 16 de março de 1971 por quatro jornalistas: Michael Hardman, Graham Lees, Jim Makin e Bill Mellor. Eles tinham acesso a cervejas tradicionais inglesas de boa qualidade, sabiam de sua tradição e tinham consciência desse processo de abandono.

O que achou dessa publicação?

  • Não curti

  • Mais ou menos

  • Boa

  • Muito boa!

  • Excelente!