Imagem

Tipos de arroz: diferenças e pratos para fazer

O arroz é um dos principais ingredientes consumidos ao redor do mundo e não estamos exagerando ao dizer isso. Seja da maneira como conhecemos aqui no Brasil, com o arroz e feijão, ou em um preparo de sushi, risoto, paella ou arroz doce. Como também em bebidas, como o saquê e até mesmo a cerveja, é bem verdade que esse ingrediente é base para diferentes pratos.

Mas você já reparou que nem todo arroz é igual? Tem o arroz arbório, arroz integral, arroz branco, arroz vermelho e até arroz japonês. Cada um deles combina melhor com um determinado tipo de receita, devido às características que possui. Ao conhecer as características dos diferentes tipos de arroz fica mais fácil escolher o que você mais gosta e acertar nas receitas que levam esse ingrediente.

Tamanhos de grãos de arroz: curtos, médios e longos

Uma das diferenças entre os tipos de arroz é que eles também podem ter tamanhos diferentes. E dependendo do tamanho do arroz as características dele também variam.

Os tamanhos de grãos de arroz podem ser divididos em curtos, médios e longos.

Os grãos curtos geralmente são mais arredondados e achatadinhos. Eles contêm uma grande quantidade de amido e por isso costumam apresentar um aspecto mais empapado e cremoso. O arroz arbório, usado em receitas de risoto, é um exemplo de grão de arroz curto.

Já o arroz de grãos médios, é um pouco mais esticado e pontiagudo do que o arroz de grãos curtos. O arroz branco é um exemplo de grão médio. Vale dizer que o arroz de grãos médios também tem um pouco de amido. Sendo assim, dependendo da maneira que ele for preparado, pode ficar um pouco mais empapado.

Já o arroz de grãos longos tem um outro tipo de amido, responsável por ele ficar um pouco mais soltinho quando preparado. O arroz integral é um tipo de arroz de grãos longos e apresenta uma aparência mais esticada e pontuda.

Tipos de arroz

Além de haver diferentes tamanhos de grãos de arroz, existem também outros perfis de arroz, que diferem no sabor, cor e textura. A seguir mostramos para você os diferentes tipos de arroz e as melhores receitas para cada um deles.

Arroz arbóreo

Um arroz de grão curto, com consistência amolecida e textura cremosa. Pode ser encontrado tanto na versão integral quanto na versão refinada. Ideal para ser utilizado em risotos, arroz doce e sopas.

Arroz basmati

arroz basmati

Esse tipo de arroz apresenta grãos longos, secos e separados. Costume ser usado na culinária indiana e asiática. Uma sugestão de receita é o arroz com ervas frescas e vegetais, ou então arroz com açafrão.

Arroz branco ou agulhinha

arroz agulhinha ou branco
É o tipo de arroz mais utilizado na culinária brasileira. Pode ter aspecto tanto cremoso quanto mais seco e soltinho quando cozido. O arroz branco pode ser servido cozido junto com feijão ou carnes, como também pode ser usado no preparo de sopas e caçarolas.

Arroz cateto ou japonês

o do Esse tipo de arroz recebe esse nome por ser costumeiramente utilizado na produção de receitas da culinária oriental, como temakis e sushis. O formatgrão é curto e arredondado, proporcionando uma aparência mais cremosa e compacta ao arroz cateto.

Arroz integral

O arroz integral apresenta o grão de arroz de maneira completa, diferentemente do arroz branco, submetido a etapas de processamento. Dessa maneira, o arroz integral conta com suas propriedades nutricionais originais, contendo uma grande quantidade de nutrientes e fibras. O arroz integral pode ser um substituto para o arroz branco, sendo utilizado em receitas com feijão, carnes e legumes.

Arroz jasmim

Receitas inspiradas na culinária tailandesa costumam ser preparadas com o arroz jasmim. Esse tipo de arroz apresenta grãos curtos e consistência firme quando cozido. Combina com receitas como arroz frito com ervas e carne de porco.

Arroz negro ou selvagem

O arroz negro é um dos mais saudáveis e nutritivos. Seus grãos são finos e alongados e contam com um leve sabor amendoado quando cozidos. É um tipo de arroz ideal para pessoas que buscam aumentar o consumo de fibras, pode ser combinado com peixes, como salmão ou cogumelos, como shitake.

Arroz parboilizado

O arroz parboilizado passa por um processo de fervura a fim de garantir que os nutrientes sejam preservados. Isso consiste, de maneira bem simples, em juntar as vitaminas que estão presentes na casca do arroz à região interna, que será consumida por nós. Devido esse processo, o arroz parboilizado apresenta uma coloração amarelada e conta com vitaminas e fibras em sua composição. O arroz parboilizado tem grãos médios e pode ser usado como uma substituição ao arroz branco em strogonoff, com peixes, legumes e, claro, feijão.

Arroz vermelho

O arroz vermelho tem essa coloração por conter um antioxidante chamado antocianina, também encontrado em frutas e vegetais roxos e avermelhados. Rico em vitaminas e nutrientes, o arroz vermelho costuma ser de grão longo, com tendência a ficar mais soltinho quando cozido. O arroz vermelho combina com legumes, com carne seca ou cremoso, com requeijão e vinho branco.

Numeração do arroz

Já reparou que os pacotes de arroz branco vêm com um número indicativo na embalagem? Esses números têm relação com a qualidade do grão, por exemplo, se ele está mais quebrado ou não.

Vale dizer que não significa que o arroz escolhido terá um gosto ruim quando for preparado. Não é nada disso. O que pode variar é que se o grão estiver inteiro, ele poderá ficar mais soltinho depois de cozido. É somente isso que muda, de acordo com a variação numérica do arroz.

A seguir a gente explica o que significa cada numeração do arroz.

Arroz tipo 1

Os grãos de arroz tipo 1 costumam ser mais inteiros, tendo pouca quantidade de grãos quebradiços.

Arroz tipo 2

Já o arroz tipo 2 apresenta uma quantidade maior de grãos quebrados, o que pode levá-lo a ficar mais empapado depois de cozido.

Arroz tipo 3

O arroz tipo 3 costuma ter um valor mais barato, mas também pode apresentar uma quantidade ainda maior de grãos quebrados. Além disso, pode ficar mais consistente depois de cozido.

Agora que você já sabe tudo sobre arroz, talvez se interesse por essa matéria com 8 receitas diferentes de risoto.

O que achou dessa publicação?

  • Não curti

  • Mais ou menos

  • Boa

  • Muito boa!

  • Excelente!