Imagem

Ar-condicionado: entenda o que é serpentina e a tecnologia microcanal

Na hora de escolher o melhor ar-condicionado para sua casa, é preciso levar uma série de fatores em conta e um dos mais importantes é a durabilidade do aparelho que você está comprando. Para que você entenda melhor alguns pontos fundamentais sobre o assunto, explicamos o que é condensador, quais são os tipos de serpentina que existem e qual a diferença em relação ao microcanal – termos que fazem toda a diferença na hora de comprar um ar-condicionado.

Tipos de condensador de ar-condicionado

Uma das principais peças do ar-condicionado é o condensador, responsável por garantir que seu aparelho vai refrigerar o ar e funcionar na temperatura que você deseja. Esta peça pode ser feita a partir de diversos metais e diferentes tecnologias.

Existem dois tipos de condensadores: o de tubo aleta, que pode ser feito com serpentinas de cobre ou alumínio, e o de microcanal.

Condensador de tubo aleta

Todos os condensadores têm aletas de alumínio; o que pode variar é o material do tubo por onde passa o gás, que também é chamado de serpentina. Alguns tubos podem ser de cobre e outros podem ser de alumínio.

Os tubos, ou serpentinas, muitas vezes são pintados com tintas especiais que servem como uma camada extra de proteção, o que dificulta a identificação do material de que eles são feitos. Por isso, para identificar qual o material, nossa dica é sempre ler na especificação técnica do seu ar-condicionado qual é a composição da serpentina.

O condensador com tubos (ou serpentinas) de alumínio é a alternativa mais leve e barata do mercado. No entanto, o processo de fabricação dos condensadores tipo tubo aleta exige muitos pontos de solda e, como o alumínio é um material de difícil manipulação, existe um risco maior de surgirem vazamentos.

Já o condensador com serpentinas de cobre é o mais comum do mercado. Assim como todos os condensadores de tubo aleta, ele também possui muitos pontos de solda; no entanto, o cobre é mais fácil de manipular do que o alumínio, o que proporciona ao equipamento maior durabilidade e confiabilidade.

Condensador de microcanal

Microcanal é uma tecnologia de ponta, já amplamente utilizada na indústria automotiva, que, em seu processo de fabricação, não possui pontos de solda. O condensador de microcanal oferece baixo risco de vazamento e sua eficiência superior à do condensador de tubo aleta permite que o produto seja muito menor. É ideal para quem busca uma solução discreta, mas eficiente, para a sua casa.

Os microcanais podem ser feitos a partir de diferentes combinações de metais que entregam um resultado superior a um único metal utilizado isoladamente. Desde 2017, os aparelhos de ar-condicionado Split da Consul contam com a melhor tecnologia de microcanais: a exclusiva Zmaxi, que conta com uma espessa cobertura de zinco capaz de garantir durabilidade até três vezes superior aos outros microcanais existente no mercado – e mais resistente que os condensadores com tubo de cobre. Além disso, o microcanal tem três anos de garantia para você não ter que se preocupar.

Tubo aleta ou microcanal: qual é o melhor?

Segundo a tabela abaixo, compare a performance dos tipos de condensador de ar apresentados em relação ao tubo aleta de cobre, que é a versão mais popular no mercado.

Eficiência Tamanho Risco de vazamento
Tubo aleta de alumínio Inferior ao cobre Maior que o cobre Maior risco que o cobre
Microcanal Consul Superior ao cobre (40% + eficiente) Menor que o cobre Menor risco que o cobre

Com essas informações em mente, ficou mais fácil entender sobre os tipos de condensador e a durabilidade de cada um!

O que achou dessa publicação?

  • Não curti

  • Mais ou menos

  • Boa

  • Muito boa!

  • Excelente!