Imagem

Mitos e verdades sobre ar-condicionado no inverno

O ar-condicionado é mais comumente usado para resfriar ambientes. Mas hoje há opções no mercado que, além de cumprirem essa função, também aquecem nos dias frios. São os chamados Reversos ou Quente e Frio.

É verdade que eles gastam mais energia? Qual é a melhor opção para a sua casa: aquecedor e ar-condicionado comum ou ar-condicionado reverso? Descubra o que é mito e o que é verdade sobre esses modelos.

Antes de tudo: como funciona o ar-condicionado reverso?

Assim como o ar-condicionado utiliza energia elétrica para diminuir a temperatura ambiente, ele também utiliza a energia, da mesma forma, para aumentar a temperatura. Para tal, basta escolher a temperatura desejada. Saiba mais sobre como aquecer sua casa com ar-condicionado.

Ar-condicionado reverso gasta mais energia?

Mito. O ar-condicionado reverso gasta tanta energia quanto o ar-condicionado comum. Tudo vai depender do modelo, potência e marca do seu aparelho. E, claro, quanto mais tempo ele ficar ligado ou quanto mais extrema for a temperatura utilizada em relação à temperatura ambiente, mais energia ele vai consumir.

Aquecer gasta mais energia que resfriar?

Depende. Como explicamos acima, o gasto de energia está ligado ao tempo de uso e diferença de temperatura em relação à temperatura ambiente.

Por isso, se estiver muito frio do lado de fora, o ar-condicionado vai precisar trabalhar mais para aquecer o lado de dentro. Assim, gastará mais energia do que se a não estivesse tão frio. Porém, se acontecer o contrário, ou seja, se estiver muito quente do lado de fora, o gasto de energia para resfriar o ar internamente também será maior do que se não estiver tão quente assim.

Ar-condicionado reverso é mais caro e difícil de instalar?

Mito. A instalação desse aparelho não se diferencia da instalação do ar-condicionado comum, tanto no que diz respeito à dificuldade quanto ao valor.

Ar-condicionado quente faz mal?

Depende. A temperatura considerada ideal para conforto térmico é em torno de 23° C. Muito acima ou abaixo disso, pode, por exemplo, prejudicar a produtividade no trabalho por causar desconforto para a maioria das pessoas.

O conforto térmico é muito pessoal, mas recomendamos que o ar nunca esteja muito quente nem muito frio, tanto para reduzir o consumo de energia quanto para evitar, por exemplo, choques térmicos ao entrar e sair dos ambientes.

Gif com um ar-condicionado instalado na parede.

Aquecedor é melhor que ar-condicionado?

Mito. Ambos funcionam da mesma forma. A vantagem do ar-condicionado é ter duas funções em uma só, o que pode ser economicamente vantajoso, além de ocupar menos espaço no cômodo.

Além disso, os aquecedores elétricos podem causar sensação de abafamento e interferir na quantidade de umidade e oxigênio de um cômodo, o que não acontece com o ar-condicionado.

Agora que você já conhece os mitos do ar-condicionado reverso, saiba que, tanto para resfriar como para aquecer, é importante manter os filtros sempre limpos. Veja como fazer a limpeza e a troca dos filtros do ar-condicionado.

*O resultado final do processo poderá variar de acordo com os materiais e produtos utilizados, bem como o uso correto do eletrodoméstico.

O que achou dessa publicação?

  • Não curti

  • Mais ou menos

  • Boa

  • Muito boa!

  • Excelente!