Imagem

Potência do ar-condicionado: qual a ideal para a minha casa?

Escolher a potência do ar-condicionado ideal é um dos fatores que você deve levar em conta quando for comprar seu aparelho, afinal um equipamento com a capacidade abaixo da recomendada acaba trazendo consequências futuras como aumento do consumo de energia e possivelmente diminuição da vida útil do seu aparelho.

Por isso, para te ajudar nessa escolha, preparamos um guia completo te mostrando o que você deve considerar e como calcular a potência do ar-condicionado ideal para o seu ambiente. Olha só:

Fatores que interfere na potência do ar-condicionado:

  • A quantidade de aparelhos eletrônicos é um dos elementos que mais interfere na hora de escolher a potência do ar condicionado, pois caso tenha muitos aparelhos ligados é necessário escolher um modelo mais potente. 
  • O tipo e a quantidade de lâmpadas também deve ser levado em consideração, pois como o modelo incandescente produz mais calor que a fluorescente, o seu ambiente ficará muito mais aquecido necessitando de um ar-condicionado com a potência maior.
  • Janelas e cortinas também interferem na potência do ar-condicionado uma vez que as janelas aquecem mais o ambiente e os cortinas minimizam esse aquecimento dependendo da estação do ano.
  • A região em que você mora é preponderante também para a potência do ar-condicionado uma vez que regiões mais quentes necessitam de aparelhos mais potentes.
  • Além dos fatores citados acima, é necessário considerar também se você mora em casa ou apartamento, em qual cômodo será instalado, a circulação de pessoas e a iluminação ao longo do dia.

Como calcular a potência do ar-condicionado?

Além de considerar todos os fatores listados no tópico anterior, vamos te ensinar a calcular a potência do ar-condicionado em BTU (Unidade térmica britânica). 

Iremos usar o quarto como exemplo, aqui a regra que usaremos é 600 Btus por metro quadrado para até duas pessoas e mais 600 BTUs para cada equipamento eletrônico conectado e também por pessoas a mais no cômodo.

Dessa forma, consideramos um quarto de 12m² que dorme duas pessoas e tem uma televisão ligada a noite, sendo assim o cálculo a ser feito será 12m² vezes 600 BTUs (a quantidade de BTU por m²) que resulta em 7.200 BTUs e esse valor somaremos com mais 600 BTUs que são equivalente a televisão que estaria ligada, fazendo essa soma chegaremos a conclusão que a potência ideal do ar-condicionado neste caso é 7.800 BTUs.

Ah! aqui vale lembrar que se o quarto sofre exposição ao sol, a quantidade de BTU por m² será 800 BTUs. Mas para facilitar a sua vida, você pode se basear na tabela abaixo:

  Document

Área Bate sol só pela manhã Bate sol à tarde ou o dia todo
9 m² 7.000 BTUs 7.500 BTUs
12 m² 7.500 BTUs 9.000 BTUs
15 m² 9.000 BTUs 12.000 BTUs
20 m² 12.000 BTUs 18.000 BTUs
25 m² 18.000 BTUs 22.000 BTUs
30 m² 23.000 BTUs 24.000 BTUs
40 m² 24.000 BTUs 30.000 BTUs
50 m² 31.000 BTUs 36.000 BTUs
60 m² 36.000 BTUs 48.000 BTUs
70 m² 42.000 BTUs 58.000 BTUs

Além da tabela, você ainda pode contar com a ajuda da nossa calculadora de BTUs, assim fica ainda mais prático calcular a potência do ar-condicionado ideal..

Mas, se você já fez esse cálculo, chegou a hora de conhecer o nosso post em que te ajudamos a entender qual o melhor ar-condicionado para a sua casa, assim  você descobre qual o modelo que mais se adequa a sua necessidade

O que achou dessa publicação?

  • Não curti

  • Mais ou menos

  • Boa

  • Muito boa!

  • Excelente!