Imagem

Os eletrodomésticos gastam mais energia no inverno?

É possível que durante o inverno, o período mais frio do ano, você perceba um aumento no valor médio da sua conta de luz. No entanto, engana-se quem acredita que os eletrodomésticos são os grandes vilões desse aumento por gastar mais energia neste período. O que acontece é que acabamos mudando alguns hábitos e utilizando mais alguns aparelhos que consomem um pouco mais de energia do que o normal.

Para você entender melhor quais são as principais mudanças e como pode economizar energia, mesmo no inverno, confira a lista de dicas que preparamos para você reduzir o consumo de energia elétrica da sua casa.

Entenda o consumo de energia no inverno

Ao contrário do que muitos acreditam, não são os eletrodomésticos que gastam mais energia no inverno, mas a mudança de hábito que temos nessa época do ano e que faz com que alguns deles sejam utilizados com uma frequência maior ou até com uma densidade diferente da usual. São em ocasiões assim que começam a surgir os mitos e verdades sobre o ar-condicionado no inverno, por exemplo.

Quem nunca ficou uns minutinhos a mais no chuveiro quente, que aliás é o que mais gasta energia elétrica em uma casa, apelou para o secador de cabelo para não acordar resfriado por ter dormido com o cabelo molhado, ou até mesmo resolveu ficar em casa o dia inteiro assistindo TV porque estava frio demais para sair de casa com um aquecedor nos pés do sofá?

Talvez pareçam pequenas mudanças que, quando somadas acabam contribuindo para o aumento da sua conta de luz. Mas, não desanime. Com alguns cuidados, é possível reduzir o consumo de energia no inverno.

Como economizar energia elétrica

As dicas de como economizar energia elétrica valem para o ano inteiro. A diferença é que, no inverno, vale redobrar a atenção!

Troque as lâmpadas por opções mais econômicas

Como no frio a tendência é a gente ficar mais tempo dentro de casa, aproveite o clima e troque as lâmpadas incandescentes (quente) pelas de LED ou, frias.. Apesar de serem um pouco mais caras, sua vida útil e eficiência são superiores do que as opções incandescentes e, a longo prazo, acabam sendo muito mais econômicas.

Desligue as luzes ao sair de um cômodo

Essa dica é bem básica, mas nunca é demais reforçar. No inverno, a noite começa um pouco mais cedo do que o convencional. Por essa razão, é normal que a casa fique mais escura e, sem querer, a gente acaba ligando as luzes de todos os cômodos. Por isso, sempre que sair de um cômodo, não se esqueça de apagar as luzes.

Outra boa dica é abrir todas as cortinas e aproveitar ao máximo a luz natural. Pode acreditar: no fim do mês vai fazer diferença.

Banhos mais curtos

A gente sabe a dificuldade que é sair de um banho quentinho.. Mas lembre-se que o chuveiro é um dos grandes vilões da conta de luz. Evite banhos demorados e quentes demais.

Se possível, tente tomar banho mais cedo do que de costume. Em um horário em que ainda não esteja tão frio.

Eletrodomésticos que consomem mais energia

Com essas dicas acima, já deu pra perceber quais os eletrodomésticos que mais consomem energia, certo? Porém, ainda existem alguns produtos que exigem um pouco de eficiência energética para continuar funcionando. Com essas informações, você já consegue ter uma noção melhor de como reduzir o consumo de energia.

Uma tabela com dados sobre o consumo de energia de alguns eletrodomésticos

E se quiser poupar a sua conta de luz durante o ano inteiro, não deixe de ler o nosso artigo sobre como economizar energia elétrica dos eletrodomésticos.

O resultado final do processo poderá variar de acordo com os materiais e produtos utilizados, bem como o uso correto do eletrodoméstico.

O que achou dessa publicação?

  • Não curti

  • Mais ou menos

  • Boa

  • Muito boa!

  • Excelente!